Quem Somos

Minha foto
Foz do Iguaçu, PR, Brazil
A Embaixada Da Família é uma Instituição missionária, evangélica, interdenominacional que nasceu no coração de Deus para levar pessoas ao pleno conhecimento da graça e obedecer a ordem de Jesus indo e pregando o evangelho tanto em Jerusalém , como em toda Judéia e até aos confins da Terra. Fundada OFICIALMENTE dia 02/03/2002,POREM DESDE 1994 ATENDE de forma informal.. mais de 100 crianças em Foz do Iguaçu, SEM QUALQUER RECURSO PUBLICO, mas como está no CORAÇÃO DO PAI, ELE SUSTENTA!!! Procuramos pessoas e igrejas que tenham um relacionamento profundo e sério com Deus, que cultivem uma atitude e compromisso de oração e que tenham total dependência de Deus e que também tenham o desejo de contribuir com o crescimento do Reino de Deus. Direção Geral:Pastor Waldir Vieira da Costa e Pastora Tânia Vieira da Costa. Conselho Pastoral: Pastor Waldir Vieira da Costa, Pastora Tania Vieira da Costa, Diretora Internacional e de Base na Africa do Sul:Missionária Beatriz Faria.

domingo, 27 de maio de 2012

Passeio cultural no cinema com adolescentes do clube da leitura da Ong

Nossa turminha do clube da leitura do Ong Embaixada no cinema, alguns pela primeira vez... 










Fotos do trabalho do Professor Mayko Silva com a escolinha de futebol da ONg



 nossos atletas mostrando suas medalhas, alguns sonham muito em ser jogadores profissionais, alguns que até mesmo já perderam pessoas da família, como um irmão assassinado por drogas, vendo dessa forma nossa responsabilidade de incentivar um sonho tão bonito diante de uma realidade tão cruel...












terça-feira, 15 de maio de 2012

A moeda missionária

História real.. Muito linda!



Em um domingo, uma menina chamada Bete foi à Escola Bíblica Dominical, após a lição, a professora contou à classe a respeito de uma caixa em que as pessoas da igreja deveriam encher para ajudar no ministério de sua missionária. A professora pediu, então, sugestões às crianças sobre o que poderiam colocar na caixa. As crianças sugeriram: pentes, toalhas de rosto, chá, papel e envelopes, canetas e outras coisas desse tipo...
Bete ficou muito triste depois do culto, pois era muito pobre e nada do que possuía era o bastante para poder doar. Todas as sugestões das crianças faltavam em sua casa. Ela decidiu orar para que Deus desse a ela condições de contribuir de alguma forma e saiu para brincar acreditando que Deus faria da melhor forma.
Passaram-se alguns dias e andando pela rua, Bete encontrou uma moedinha de R$0,50 na calçada. Sentiu uma alegria enorme, porque há muito tempo não tinha dinheiro algum. Caminhava sorrindo e pensando no que compraria: talvez desse para comprar quatro balas. Hum... Que delícia... Talvez chicletes, ou uma figurinha. O Espírito Santo, porém fez Bete lembrar-se da caixa missionária e do que pediu em oração e ela soube que essa moeda era a resposta de Deus para ela. Voltou para casa e guardou a moeda
 
No domingo seguinte Bete levou sua moedinha e perguntou para sua professora o que poderia comprar para colocar na caixa. A professora pensou alguns instantes e quase deixou escapar um: “Nada!”, mas olhou para Bete vestida com roupinhas tão surradas e imaginou o sacrifício que a menina fizera em não gastar o dinheiro com si mesma. Disse então: “Bete, acho que podemos comprar um folheto com essa moeda!”. A professora comprou então um folheto de evangelização e o enviou à missionária juntamente com uma carta contando os detalhes do presente de Bete e pedindo-a que orasse para que Deus enviasse aquele folheto à pessoa certa.
 
Várias semanas depois a missionária recebeu a caixa. Ela guardou o folheto, até que um dia viu passar o Rajá Burmes de uma aldeia distante. O Espírito Santo a fez lembrar do folheto e ela rapidamente o pegou e entregou ao Rajá que o levou e o leu três vezes, após lê-lo, porém não conseguia dormir e nem tomar café na manhã seguinte e decidiu devolver o folheto à missionária. Ela lhe disse então que se sentia incomodado por que a palavra de Deus estava mostrando que ele era pecador e que precisava ser salvo pelo sangue de Jesus Cristo, verdadeiro filho de Deus, que foi derramado na cruz por nossos pecados. Mostrando mais versículos e esclarecendo as dúvidas em pouco tempo o Rajá abaixou sua cabeça e orou com ela aceitando a Jesus como seu salvador. Mais tarde o Rajá voltou regozijando-se à sua aldeia.
 
Um ano se passou e a missionária viajava e visitava igrejas quando passou em uma aldeia onde nunca havia parado e se lembrou ser a aldeia do Rajá Burmes. Decidiu parar e ver como ele estava.
 
Ela se espantou muito, pois quando entrou na aldeia a primeira coisa que viu foi uma igreja enorme. Ela descobriu ainda que o Rajá, ao chegar em casa, um ano atrás tinha reunido todo o seu povo e lido o folheto para eles e explicou a todos tudo o que tinha ouvido da missionária e mais de 1.500 pessoas aceitaram a Jesus também! Tudo aconteceu porque uma menininha deu tudo o que tinha a Deus.
 

Ora, a moeda não foi mais importante que a oração.
Ninguém precisa atravessar mares para achar pessoas que não conhecem o amor de Jesus. E não é necessário mudar de religião para conhecer a Deus.
 
Ele quer usar cada um de nós para mostrar o seu amor. Esteja pronto para dar tudo de você a Deus e ele fará do seu pouco, muito!

sábado, 5 de maio de 2012

Novidades da ONG EMBAIXADA DA FAMÍLIA PARA AS NAÇÕES, Maio de 2012

Mirian nossa futura missionária na África junto com Bia e Tia Sô, começando trabalho na ong
 com cursos para nossas meninas. Ensinando o que ela aprendeu no seu curso da Vita Derm.




Professor ‎Mayko Silva Projeto Construindo Sonhos, Edificando Vidas, escolinha de futebol em Foz http://embaixadadafamiliapnacoes.blogspot.com.br/2011/03/mayko-no-jornal.html?utm_source=BP_recent
Curso da Escola Coxa


Maiara, mais uma de nossas queridas colaboradoras derretendo chocolate para as crianças, pascoa 2012


Pastora Tânia, Dona Neusa, Maiara e Tia Sô fazendo os doces de pascoa para as crianças da ONG


Entrega dos ovos de pascoa, nós ensinamos o verdadeiro significado da páscoa, mas qual crianças não fica feliz em ganhar um ovo de chocolate, e muitos deles só ganharam esse ovo.



Jogando xadrez na ONG

hora de diversão e lazer

 Gustavo e Yasmim, os bebês da ONG

 Está ficando pequeno o espaço, lindos

 Reforço escolar e clube da leitura

os pequeninos brincando na ONG

Brincado de UNO